Imprevisibilidade da Alma: a Contribuição de Jung para Compreensão Aprofundada dos...

Imprevisibilidade da Alma: a Contribuição de Jung para Compreensão Aprofundada dos Conflitos

Photo copyright © Pieter Bruegel - The Fall of the Rebel Angels (1562)

Conflitos são mais do que diferenças de opinião ou contendas. Conflitos são experimentados como perturbações. São eventos que a grande maioria das pessoas não deseja. Eles são irritantes, causam noites sem dormir e podem tornar nossas vidas diárias miseráveis. Embora concordemos com este ponto de vista, os conflitos permanecem. São inevitáveis ​​e ocorrem em todas as comunidades humanas, relacionamentos e formas sociais. Como pode a discrepância entre a vontade consciente e a realidade de nossas vidas diárias ser explicada? Esta palestra irá abordar este tema a partir da contribuição de C. G. Jung e sua disciplina estabelecida da Psicologia Analítica.

Inicialmente, devemos considerar o que é o conflito: nele não apenas são debatidas as diferenças, mas os conflitos nos transformam. Nós já não somos o que geralmente éramos. Nossas atitudes não são as mesmas. Maneiras de se comportar tornam evidente o que normalmente não seria exibido e se teria vergonha de mostrar. Por meio dos conflitos nos tornamos distantes do outro. Muitas vezes nem sequer compreendemos a nós mesmos.

[Leitura apresentada no C.G. Jung Memorial Day, realizado no Jung-Institut Zürich em 06 de junho de 2015]

Imprevisibilidade da Alma: a Contribuição de Jung para Compreensão Aprofundada dos Conflitos




PARA BAIXAR ESTE ARTIGO:
Cadastre-se ou Entre

Psicólogo e Pedagogo, atua como psicoterapeuta junguiano. Leciona na ISAP e no C.G. Jung-Institut Zürich. Na Suíça e na Alemanha é bem conhecido por meio de um programa de intervenção especial da violência, o Instituto de Gestão de Conflitos e Mitodrama localizado em Berna e Zurique. Professor na Universidade de Educação do Cantão de Zurique. Atualmente trabalha em países asiáticos oferecendo terapia de grupo para crianças refugiadas usando suas histórias.

ARTIGOS SIMILARES

0 44

0 114